24 de fev de 2009

Anacharsis Rattes


Homenagem ao meu querido tio Anacharsis Rattes, falecido em 23.02.2009, em Juiz de Fora (MG).


4 comentários:

leonor rizzi disse...

Para Anacharsis Rattes, pelos Séculos dos Séculos consecutivos e presente no eterno agora das infinitas jornadas.
Anacharsis, receba a poesia de Arita Damasceno Pettená como a homenagem póstuma que lhe é oferecida pelo Projeto Partilha.


Quando em mim tudo for silêncio
e a própria vida esvair-se
nas esteiras das águas flutuantes,
hei de buscar, no primeiro ancoradouro,
o porto seguro para meus sonhos todos.
Que importa que haja ondas revoltas,
ameaçando um casco acorrentando.
Quero respirar, no último momento,
a esperança diluindo-se em espumas,
espumas desmanchando-se em esperanças.

"Não criamos nada, apenas levantamos os véus, e revelamos a Luz já em nós".

Roberto disse...

Em nome de toda a família, meus sinceros agradecimentos a Leonor. Meu tio foi morar com os anjos (mais precisamente ao lado de um chamado Emmanuel), e agora olha e ora por todos nós.

martha disse...

Muito obrigado por ter lembrado do papai. Adoramos .

Pedro Caribé Rattes disse...

Para todos os Rattes, em especial ao meu vô Anacharsis, um grande abraço, e espero que a família possa sempre superar as dificuldades. A minha vó Lezy, desejo toda a força do mundo para superar esta perda que sem dúvida foi muito grande.