24 de fev de 2009

Laura!


Minha neta, Laura, nascida em 23.01.2009. Loura, linda, 'little' e 'loved' como a mãe Roberta.

3 comentários:

projeto partilha disse...

- Para a mais que loura, a loiríssima LAURA.

- De uma poeta cachoeirense, Maria Antonietta de Rezende.

CRIANÇA

Ah! Como eu queria
Colher o teu sorriso
E, num cofre de ouro
Eu guardaria
Este tesouro,
E dele faria
Meu paraíso!

Ah! Vendo-te assim,
Despreocupada e leda,
Considero o mistério da vida
E minha alma perscruta e se queda
Na escuta, embevecida.

Criança! Com que véu de inocência
Teceu-te um dia o Criador!
Por que hás de perder, um dia, o fulgor?

Silêncio! A criança brinca!
Não lhe negue o direito
De ser criança!

Silêncio! A criança sonha!
Que nesse sonho Nada se interponha!

Roberto disse...

O coração do avô é eternamente grato a Leonor pelo belíssimo presente oferecido à sua neta.

carlarattes disse...

Parabéns pela linda netinha!Que além de tudo é loura como a prima aqui rsrsrs
Muita saúde e feliciades sempre!

Carla Rattes
Vila Velha - ES